Qualidade de vida após lesão medular é possível
Notícia 26/04/2019

Com o objetivo de procurar dar resposta às maiores questões sobre o que está a ser feito na área das Lesões Vertebro-Medulares e o que podemos esperar da investigação nesta área, a Associação Salvador promove um Encontro entre pessoas com lesão medular (e as suas famílias), investigadores e técnicos da área da reabilitação. A iniciativa realiza-se no dia 15 de maio, entre as 14h00 e as 17h40, no Centro de Medicina de Reabilitação de Alcoitão.

Na sessão, serão divulgados os avanços reais e mais significativos na investigação na área das lesões vertebro-medulares como transplantes celulares, controlo do sistema nervoso periférico e interfaces cérebro-máquina, que trazem esperança num futuro com maior funcionalidade, integração social e qualidade de vida

A Associação Salvador apoia o desenvolvimento de projetos de investigação que incidam sobre temáticas relacionadas com a deficiência motora em articulação com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e o Life and Health Sciences Research Institute (ICVS).

Para este Encontro, a inscrição é gratuita, mas obrigatória, através do seguinte formulário >>  Inscrição no Encontro sobre Lesões Vertebro Medulares. 

 

Sobre os TEMAS e ORADORES:

Qualidade de Vida após a lesão medular: Funcionalidade e Independência na ocupação – apresentado por uma Terapeuta Ocupacional do Centro de Medicina do Alcoitão:
Intervenção da Terapia Ocupacional,  tecnologias utilizadas para a reabilitação funcional,  e ainda de produtos de apoio para o acesso ao computador, cadeiras de rodas, Produtos de apoio para posicionamento, condução de automóvel, desporto, entre outros. Serão ainda abordadas as normas de acessibilidade nos edifícios, as estratégias de proteção articular e normas  e regras de segurança. 

Transplantes celulares – apresentado por António Salgado:
Descrição dos mecanismos celulares envolvidas na resposta a lesões vertebro-medulares e, de que forma se podem utilizar transplantes celulares, assim como técnicas de bioengenharia, para induzir a regeneração do sistema nervoso.  

Transplantes moleculares – apresentado por Nuno Silva:
A patofisiologia das lesões vertebro-medulares é bastante complexa e dinâmica no tempo. Na fase aguda acontecem vários processos químicos e celulares que ajudam a aumentar a morte das células nervosas. Alguns exemplos de tais processos são: resposta inflamatória desregulada; perda da homeostasia; e aumento da concentração de glutamato para níveis tóxicos. Nesta palestra serão apresentadas algumas abordagens terapêuticas que têm como objetivo modelar este evento e proteger o tecido nervoso.  

Transplantes moleculares – apresentado por Leonor Saúde:
Utilização de modelos animais na compreensão dos mecanismos de regeneração da medula espinhal.  

Controlo de sistema periférico – apresentado por Célia Cruz:
A área de investigação da minha equipa é a incontinência urinária que surge após LM’s. Procuramos conhecer melhor os mecanismos neuronais que levam à perda de controlo voluntário sobre a atividade da bexiga e da uretra. Procuramos também desenvolver novas abordagens terapêuticas e melhorar as existentes para controlar a incontinência e melhorar a qualidade de vida.  

Interface cérebro-máquina – apresentado por Miguel Pais-Vieira:
Mecanismos básicos que regulam o funcionamento do sistema nervoso utilizando esse conhecimento para o desenvolvimento de interfaces cérebro-máquina (i.e. engenhos que combinam a atividade do cérebro com máquinas) para reabilitação de problemas motores e sensoriais.  

O incentivo à investigação – apresentado por Rita Paiva Chaves (diretora do departamento inovação da SCML):
A importância da aposta da SCML no apoio à investigação na área das lesões medulares.

  • Avanços reais na investigação na área das Lesões Vertebro-Medulares trarão mais esperança para um futuro com maior funcionalidade, integração social e qualidade de vida.

Envolva-se Faça parte desta causa!

O seu apoio é muito importante. Fazer a diferença na vida das pessoas com deficiência motora está ao seu alcance.

Quero Ajudar
Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.